Como Criar um Blog – Guia Completo

Como Criar um Blog Profissional | Guia Completo

Guia completo passo a passo, com todas as dicas e informações necessária para criação de um Blog Profissional

Você chegou até aqui, porque esta buscando aprender como criar um blog de sucesso profissional do zero? Então você está no lugar certo!

Começar da maneira corrta e boas orientações de quem já passou por isso, vai garantir a você uma evolução muito mais rápida.

No mercado online, deste 2007, com alguns anos de experiência produzindo conteúdos para internet, eu cometi muitos erros. E muitos acertos também, com certeza mais acertos.

Mas tive que aprender por conta própria muitas, que ensino hoje.

Minha intenção é fazer você aproveitar melhor seu tempo melhor, (principalmente quem estar iniciando totalmente do zero) e ir direto aos pontos mais importantes.

Para finalmente ver o seu projeto nascendo, ganhando vida e fazendo sucesso!

Aqui, vamos aprender de maneira prática e objetiva os 10 passos iniciais para criar um blog profissional do zero:

1

Foco e Habilidade

Você já tem uma habilidade específica pela qual é reconhecido? Tipo alguma coisa que gosta de fazer e faz muito bem. Se não, pelo quê você gostaria de ser reconhecido?

Talvez você não precise descobrir qual é a sua habilidade no seu dia a dia. Coisas que você faz tão bem, que predeem à atenção das pessoas.

Se você tem tal habilidade, então a criação de um blog de sucesso está bem adiantado.

Se você não tem nenhuma habilidades, não tem problemas problemas! Estamos aqui para te ajudar, do início ao fim deste processo de criação de um blog de nicho.

A parte mais complicada da criação de um blog de nicho não é a contratação do melhor serviço de hospedagem, instalar e customizar o Wordpress ou instalação do template ideal, mas sim a definição do nicho de atuação. É aqui onde tudo começa.

Com tantas opções de nichos disponíveis, você pode se sentir tentado(a) a escolher vários temas de seu interesse e decidir criar um blog para produzir conteúdos sobre todos eles.

Um erro grave que muitos cometem e pode impedir você de conseguir criar um blog de sucesso.

Portanto, tenha em mente que você precisa definir basicamente algumas coisas antes de pensar em nome para seu blog ou em qual é o melhor serviço de hospedagem disponível no mercado.

  • Você já tem uma habilidade específica pela qual é reconhecido? Se não, pelo quê você gostaria de ser reconhecido?
  • Quem você deseja ser para seu público?
  • Quem será a sua audiência?
  • Em que nicho de mercado você deseja atuar?
  • Qual será o seu posicionamento e a sua proposta única de valor?

Não fique preocupado(a) se não tiver as respostas para essas perguntas ainda.

Acredito que só por pensar nessas respostas, você começará a enxergar uma direção que precisa seguir.

2

Escolha seu Nicho

Para criar um blog, a primeira coisa que precisamos fazer é escolher um nicho de mercado. Deve ser algo pelo qual você seja apaixonado, ou que solucione problemas das pessoas, ou ainda que ajude a superar medos.

Definição de nicho de mercado: É uma pequena fatia de um grande mercado, com paixões, medos e desejos bem mais específicos.

E muitos destes mercados, muitas vezes não há oferta de produtos ou serviços adequados.

Não basta apenas escolher um grande mercado (ex: Finanças, Emagrecimento, Desenvolvimento Pessoal, Relacionamentos, Saúde, Ganhar Dinheiro…). Você precisa escolher um nicho ou pedaço desse grande mercado.

Você não deve apostar em grandes mercados, isso não quer dizer que você precise escolher mercados minúsculos e inexplorados.

Acredite, se não há concorrência ainda, grandes são as chances de simplesmente não existir um público interessado. Pelo menos não em um número suficiente para sustentar um negócio.

Nichos muito pequenos só podem atender a poucos empreendedores. Além de geralmente serem bastante instáveis.

O que você deve fazer é entrar em grandes mercados para construir um negócio profissional e que tenha muita demanda.

Certamente que não basta escolher um nicho do tamanho ideal. Você precisa ter alguma relação com o assunto que será tratado em seu blog.

Você precisa seguir estes 3 critérios antes de escolher seu nicho:

  • Deve ser algo pelo qual você seja apaixonado, ou que solucione problemas de pessoas, ou ainda que ajude a superar medos;
  • É importante que esteja associado a uma de suas competências, algo que você seja bom;
  • Deve ter um mercado suficientemente relevante, de preferência, com pouca concorrência. Entenda: o mercado precisa ter muitos competidores, mas o nicho pode ter baixa concorrência.

As vantagens de apostar em um nicho de mercado, principalmente para quem está interessado em criar um blog de sucesso são muitas, mas vou citar as que considero mais importantes:

  • Baixa concorrência: especialmente para quem deseja criar um novo blog, entrar em um mercado já saturado e com competidores grandes e bem estabelecidos pode ser uma tarefa difícil. Se não impossível. Se você não quer ser apenas mais um, aposte em um nicho.
  • Fortes relacionamentos: blogueiros de nicho construirão relacionamentos fortes e duradouros com a maioria de seus clientes, o que, de certa forma, os protege de ameaças da concorrência.
  • Alta margem de lucro: sua margem de lucro tende a ser maior porque seus clientes não consideram o preço como o principal fator para decidir pela aquisição de conhecimento.

Se você quiser saber mais sobre as vantagens de escolher um nicho de mercado, recomendo este ebook aqui.

3

O Nicho que escolheu vai lhe trazer Receitas?

Nichos muito pequenos e com pouca concorrência tendem a não serem lucrativos. Vamos descobrir juntos se o nicho escolhido é relevante ou não para criar um blog de sucesso e ganhar dinheiro com ele.
Fazendo da forma correta: descubra assuntos relacionados ao mercado que deseja explorar através de uma pesquisa nos buscadores.

Em seguida use o Google Keyword Planner para descobrir mais palavras-chave relacionadas ao nicho que você está avaliando.

Para um volume de buscas mais preciso do que o do Keyword Planner, recomendo o SEM Rush (link afiliado).

Selecione os resultados mais atrativos, com maior pesquisa mensal e menor concorrência.

Mas não tome como base apenas o volume de buscas para saber se a concorrência é alta ou baixa.

Faça uma pesquisa em uma Guia Anônima do Google pela mesma palavra-chave mas com a MOZ Bar instalada e descubra o grau de dificuldade para rankeamento.

E por fim, use o Google Trends para ver a tendência de pesquisa por um termo através do tempo.

Certamente você fará uma boa escolha ao dar preferência aos termos que vêm apresentando um aumento no volume de buscas ao longo do tempo.

Basicamente, se você quiser saber como criar um blog de sucesso precisará de 3 coisas:
  1. Um nicho de mercado com um bom número de pessoas interessadas; Pouca concorrência (mas tem que existir pessoas que trabalham com este nicho) dentro do nicho;
  2. Sua habilidade para se tornar uma autoridade respeitada em seu nicho de mercado. Você pode prosperar em praticamente qualquer nicho que atenda os requisitos básicos.
  3. E depois de atestar o quão interessante e lucrativo pode ser o nicho escolhido, você precisa direcionar sua atenção para o item mais importante: seu público-alvo.
4

Para quem você deseja escrever seus conteúdos?

Definir o nicho é apenas o começo. Você ainda tem um longo, porém recompensador, caminho pela frente antes de criar um blog de sucesso..
Ter clareza sobre sua audiência fará a diferença no momento que você estiver focado(a) na Produção de Conteúdos Relevantes.

Tenho certeza que você não quer percorrer todo esse longo caminho, investir tempo, dinheiro e esforço para não colher os frutos do seu trabalho no futuro.

Você tem que saber o que quer, e quem é o público da sua audiência.

Felizmente, um problema com uma solução simples.

Você já visualizou qual seria o leitor ideal do seu blog, uma persona para seu blog/site?

A sua persona não será a reprodução fiel das características de sua audiência. Mas sim uma representação, um conceito que irá guiar você durante a criação de conteúdo, de produtos e serviços.

Para começar a desenhar a sua persona, defina algumas características:

1. Onde mora? Detalhe país, estado, cidade e até bairro;
2. Quantos anos ele(a) tem?
3. Sexo e Classe social;
4. Grau de instrução e renda;
5. É casado(a)? Tem filhos?
6. Pratica esportes? É sedentário?
7. Quais são hábitos diários?
8. O que faz nos momentos de lazer?
9 .Qual tipo de assunto procura em buscas na internet?
10. Qual o nível de conhecimento ele(a) tem do mercado em que atuo/pretendo atuar?
Monte sua persona, dê um nome a ele ou ela e construa a história de sua vida, respondendo a mais algumas questões:

11.Quais suas maiores dores? Não ver os filhos crescer? Não ter tempo para cuidar da própria saúde?

12.Quais seus maiores medos? Perder o emprego na crise? Falhar no casamento?

13.Quais suas objeções? Não fazer compras pela internet por não confiar no que está sendo oferecido?

14.O que elas desejam para a própria vida? Seu propósito, seus maiores sonhos…

15.O que impede essa pessoa de realizar esse sonho? O que ela pensa em fazer a respeito?

Você pode criar essas características, ou melhor ainda, entender quem e como é o público de seus concorrentes. E sair na frente na hora de transformar os leitores em clientes.

Quanto maior a compreensão do que está impulsionando seu público a buscar soluções, maior será o arsenal de assuntos a serem abordados em seu blog.

Ao conhecer seu público você usará a sua criatividade e inovação para oferecer benefícios e resultados únicos.
5

É hora de escolher um nome do domínio para seu Blog

A escolha de um domínio para o seu Blog é de extrema importância, esta escolha vai te acompanhar em todo seus projetos futuros.
Você pode criar um blog do completo sem investir 1 real que seja? Claro que pode!

Basta utilizar serviços de hospedagem gratuita e abrir mão de um blog com domínio próprio.

Porém, posso afirmar para você que este tipo de economia não irá compensar nem agora e muito menos no futuro.

Falando o português "curto e grosso": desista da ideia de criar um blog no Wix, WordPress.com ou Blogger.

Este é um grave erro que pode atrasar seu projeto em meses ou anos, caso você comece desta forma e decida migrar no futuro.

A questão é simples: todo o posicionamento no Google que você tiver conquistado será perdido quando você mudar seu domínio.

Não vale a pena! Melhor nem começar...

Se você não está disposto a investir quantias razoáveis como cerca de R$ 30,00 por ano em um domínio e de US$ 5 a US$ 20 por mês em hospedagem, será que você está realmente preparado(a) para virar um(a) empreendedor(a) digital?

Pense nisso. Não existe negócio sem investimento! É assim que funciona todo mercado globalizado.

A compra do domínio não é nenhum bicho de 7 cabeças muito, porém a escolha do nome precisa ser feita com cuidado.

Afinal, sua marca será a responsável por transmitir o verdadeiro conceito do seu blog ou negócio digital.

Portanto, leve em consideração 3 estratégias na hora de decidir qual será o nome e consequentemente o domínio do seu blog:

Seu próprio nome;
Uma marca própria;
Uma palavra-chave exata com um termo bastante pesquisado (e relacionado a seu nicho).

Também leve em consideração a extensão na hora de comprar o domínio do seu blog.

A “.com” e “.com.br” .net, são as mais utilizadas. E recomendo fortemente que você compre ambas.

Se você pensa em construir um negócio sólido na internet através do seu blog, algo que tem potencial para se tornar verdadeiramente grande e gerar muito dinheiro, comprar os principais domínios disponíveis é o melhor “seguro” que você pode contratar para sua marca.

Dessa forma, você vai se proteger de especuladores e “cópias baratas”, evitando que eles registrem o mesmo nome da sua marca, apenas com a extensão diferente.

Para os domínios que terminam em “.br”, você deve usar exclusivamente o site Registro.br.

Para os demais domínios, existe uma infinidade de sites, mas eu costumo usar site NameCheap.
6

Serviço de Hospedagem

Depois da compra do domínio, você precisa escolher o seu serviço de hospedagem. Evite uma armadilha muito comum: não contrate hospedagens gratuitas na hora da compra do domínio. E nem o contrário..
A escolha de um serviço de hospedagem, também é uma etapa, que terá que ser feita com bastante atenção.

Caso o serviço de um ou de outro não seja satisfatório, você acabará ficando “preso(a)”, já que fazer a transferência de domínio não é exatamente uma tarefa fácil e rápida.

E para evitar essa dor de cabeça, você pode acabar optando por continuar com um serviço muito abaixo do esperado.

Se você cuida do seu site como se fosse seu empreendimento e dedica-se bastante para melhorá-lo, um bom servidor é mais do que necessário para ajudar você a melhorar o tempo de carregamento do site e até mesmo a obter melhora no seu ranking do Google.

Ao procurar por serviços de hospedagem, você irá encontrar 4 tipos diferentes:

  1. Hospedagem Compartilhada: um grande servidor para vários blogs e sites hospedados todos em um mesmo servidor (IP compartilhado). Custo baixo.
  2. Servidor Virtual: uma pequena parte do grande servidor fica exclusiva para o seu blog ou site. VPS (IP exclusivo seu)
  3. Servidor Dedicado: um servidor exclusivo para o seu blog ou site. Alto custo e conhecimentos avançados.
  4. Servidor na Nuvem (Cloud): vários servidores prestam serviços para o seu blog ou site. Alta performance e custo médio.

Principalmente para quem está apenas querendo criar um blog de sucesso, não recomendo serviços caríssimos de hospedagem.

Portanto, neste começo recomendo a hospedagem compartilhada ou virtual. E conforme seu blog começa a receber muitos acessos você pode pensar em migrar para um servidor dedicado ou na nuvem.

A segunda grande dúvida com relação à hospedagem é: qual empresa escolher para hospedar meu blog?

No Brasil, poucas empresas brasileiras prestam serviços de boa qualidade. Algumas recomendações minhas para a contratação de hospedagem são:
7

Instalando a Plataforma Wordpress e Plugins

Esse é um dos momentos mais temidos pelos blogueiros iniciantes: a instalação do WordPress (a versão paga). Porém a plataforma é GRÁTIS
Muito desse medo aparece porque algumas pessoas acham que precisam possuir conhecimentos avançados de HTML ou CSS e não entendem absolutamente nada de códigos.

A boa notícia é que você não precisa ser nenhum Desenvolvedor Web para instalar o WordPress.

Basta seguir as instruções do seu provedor de hospedagem para realizar a instalação com tranquilidade. E em caso de dúvida, você ainda pode usar o suporte da sua hospedagem, que muitas vezes, a instalação é feita em poucos cliques.

Mas como esse assunto pode gerar muitas dúvidas, fiz um aula especial do curso gratuito Blog do Zero só para ensinar você a instalar o WordPress através da BlueHost (link afiliado), um dos serviços de hospedagem que recomendei mais acima.

Se você quiser conhecer o Gerenciando Web Vip, área VIP com excelentes cursos, um dos módulos que ensina o passo-a-passo para você quer criar um blog do completo zero ao longo de excelentes aulas práticas, é só clicar aqui embaixo:

Recomendo que veja com atenção, porque você irá encontrar um passo a passo da instalação em vídeo, para não ficar nenhuma dúvida.

E não pára por aí. Dentro da área Vip, você também irá aprender a fazer as configurações básicas do WordPress, como:
  • Definir o nome do seu blog
  • Definir Tagline
  • Acertar formato de data e horário
  • Criar categorias e tags
  • Quantos posts mostrar por página
  • Página estática ou postagens mais recentes
  • Comentários
  • Como as imagens e vídeos serão mostrados
  • Como será a estrutura de suas URLs (recomendo o nome do post).
Além disso, mostro com mais detalhes todos os assuntos tratados neste artigo. Portanto se você deseja saber como criar um blog de sucesso recomendo o Gerenciando Web Vip para você.

Plugins: uma das maiores vantagens do uso do WordPress

Os plugins salvam a vida de quem não suporta a ideia de ter que aprender códigos avançados só para executar ações simples.

O WordPress permite que você utilize plugins gratuitos ou pagos para executar diversas funções bastante importantes para o bom funcionamento do seu blog.

Sei que a escolha do melhor plugin para cada tarefa é algo bastante pessoal.

Porém, se você quiser conhecer quais os plugins que eu pessoalmente considero indispensáveis, leia este artigo aqui.
8

Template para o Seu Blog Wordpress

Esta é outra parte boa do Wordpress, Além de encantar o design é responsável por transformar ideias complexas em simples soluções. O design serve para facilitar nossas vidas, existe milhares de modelos no mercado.
Se você acha que um template bem elaborado e funcional é apenas frescura, talvez seja hora de repensar seus conceitos.

Você sabia que tem apenas 8 segundos para impressionar o leitor na primeira vez que ele visita seu blog ou site?

Isto mesmo…

O que deixa bem claro que não é o seu fantástico conteúdo que fará a diferença como uma primeira impressão.

Agora imagine que esse visitante entra em seu blog e se depara com uma página lotada de anúncios, textos sem contraste com o fundo, dificultando a leitura e diversas barras laterais com blogs recomendados, redes sociais etc.

Quanto mais opções você dá para o visitante do seu site, mais confuso ele ficará.

Não transforme a homepage do seu site em uma coleção interminável de widgets, imagens e textos.

Parece muito para se pensar, mas garanto que é mais simples do que parece.

Seu blog precisa ter uma boa aparência, uma ótima experiência do usuário e ter foco total na conversão, que pode ser mais emails na sua lista, mais comentários, mais compartilhamentos ou até mesmo mais vendas dos seus produtos.

Você precisa apenas escolher o template adequado para criar um blog de sucesso do completo zero.

Qual o template ideal?

Antes de mais nada, preciso deixar claro que não estou falando de templates para WordPress.com ou Blogger. Mas sim de templates para WordPress.org, que, como já falamos anteriormente, é a opção de quem pretende criar um blog de sucesso.

Um tema ideal para criar um blog de sucesso precisa ter alguns requisitos, como:
  • Ser responsivo
  • Otimizado para SEO
  • Esteticamente atraente
  • Baseado em conceitos universais de boas práticas de usabilidade
  • Fácil de usar e configurar
  • Integração nativa com capturas de email, compartilhamento social, avisos de atenção
O seu template, no entanto, pode ser tanto gratuito quanto pago. Mas certamente existem algumas vantagens em pagar por um tema:
  • Design diferenciado, já que a maioria dos blogueiros iniciantes optam por temas grátis, não sendo raro ver diversos blogs com a “mesma cara”.
  • Possibilidade de customização
  • Suporte para que você consiga deixar todos os detalhes em ordem, seja um botão mais redondo, uma borda nas imagens ou um espaçamento maior entre as letras de texto, o suporte está ali para te ajudar.
  • Maior frequência de atualizações para templates cada vez melhores que atendam as soluções desejadas pelos seus clientes.
  • Otimizações para SEO (no geral). Um blog profissional geralmente oferece uma ótima otimização para SEO, tornado o rankeamento das suas palavras-chave mais rápido.
Se você optar pelo caminho mais profissional, através de um tema pago, minha sugestão é o Épico.

Um bom template é essencial para que seu blog comunique de forma clara o seu posicionamento através de design, além de ajudar o usuário a encontrar exatamente o que ele procura no seu site. O tema Épico é totalmente brasileiro.

Existe milhares no mercado, mundial.

Outro tema que recomendo e atualmente utilizo em meus projetos é o BeTheme. Utilizo este tema por causa da liberdade que o criador disponibiliza para os usuários. São várias opções de customizações dentro da área administrativa. Além de +240 opções de layout.

Então, a escolha é sua.
9

LANÇAMENTO do Seu Blog Wordpress

Esta é a hora mais esperada. Depois de dias de trabalho duro na criação do seu blog de sucesso, chegou a tão sonhada hora do lançamento. Muita calma nesta hora! Vamos as dicas:
Essa fase antes do lançamento de um blog é fundamental para o seu sucesso/fracasso. Mas para passar longe do fracasso no lançamento, você precisa  gerar antecipação.

E enquanto o blog ainda não estiver no ar, crie uma landing page com o alerta de “está por vir” e uma caixa de captura de e-mail.

Comece sua lista de emails o quanto antes. Você precisará de um jeito eficaz de avisar as pessoas interessadas no conteúdo que você irá disponibilizar.

Compartilhar pelas suas redes sociais os preparativos e os bastidores do lançamento irão aumentar o interesse das pessoas no dia do lançamento.

E muito importante: você precisa ter alguns conteúdos já publicados no dia do lançamento do seu blog.

Imagine você investir tempo, esforço e até dinheiro para gerar uma antecipação e criar uma expectativa e quando o visitante finalmente chega em seu blog ele encontra um único artigo publicado. Ou nem isso.

Tenha certeza que muitos irão embora e não voltarão mais.

Por isso você precisa entreter seus novos visitantes. Eu sugiro pelo menos de 3 a 5 artigos já publicados no lançamento.

Agora se você pretende conquistar de vez sua audiência, ofereça um presente. Um eBook ou material gratuito e exclusivo para quem se cadastrar em sua lista de emails, por exemplo.

Com essas simples dicas você irá criar um blog de sucesso logo no dia do lançamento.
10

Próximos passos: Conteúdos! Conteúdos! Conteúdos!

Se você quer criar um blog de sucesso, seu trabalho não acaba no lançamento. Na verdade ele apenas começa. Ganhar dinheiro com blog não acontece da noite para o dia.
É uma construção lenta, feita dia a dia, semana após semana de muita dedicação, estudo e principalmente paixão. Tem que amar o que esta fazendo.

Portanto, não acredite no mito do blogueiro profissional que ganha rios de dinheiro dormindo. Acredite em; trabalho, dedicação e persistência.

A verdade é que criar um blog de sucesso e ganhar dinheiro online dá muito trabalho.

Só que antes de pensar no saldo positivo da sua conta que um blog pode gerar, você precisa se preocupar com seus passos após o lançamento.

Atrair tráfego qualificado

Mais do que vaidade, atrair uma avalanche de tráfego, inclusive de tráfego orgânico, é uma obrigação de qualquer um que queira criar um blog de sucesso.

É através da geração de tráfego que você descobre o que o seu público deseja, torna seus produtos e serviços mais conhecidos e gerar vendas.

O tráfego é o combustível que acelera os objetivos do seu site/negócio.

E como atrair mais tráfego?
  • Aposte no SEO e nas suas principais otimizações.
  • Invista nas palavras-chave para atrair tráfego
  • Não esqueça da estratégia de Link Building.
  • Crie títulos impossíveis de serem ignorados.
  • Use 10 regras de ouro para escrever artigos de sucesso.

Construir uma lista de emails

Logo no lançamento já é importante investir na criação da sua lista de emails, se você quiser criar um blog de sucesso.

Os principais motivos para isso são:
  • Criar um relacionamento mais próximo com seus leitores
  • Manter a comunicação com a parcela mais engajada da sua audiência
  • Realizar vendas
Não esqueça de investir em um software para gerenciar sua lista. Utilizamo em nosso Blog o GetResponse (link afiliado).

E coloque campos de captura espalhados pelo blog, como na homepage, na página sobre e no meio de seus conteúdos.

Aumentar a conversão e gerar receita

Uma conversão é o resultado de uma chamada para ação (CTA). Toda vez que você pede para seu visitante executar uma ação, como um cadastro na lista de emails, responder uma pesquisa ou deixar um comentário, pronto.

Você tem uma nova conversão!

Claro que sem tráfego e sem uma lista de emails, você nem precisa começar a pensar em otimizar conversões.

Gerar receita então, nem pensar!

Primeiro você precisa ganhar a confiança do seu visitante, transformá-lo em leitor, fã e aí sim ele(a) estará pronto para receber uma oferta sua.

Para gerar receita com seu blog você pode vender seus próprios produtos ou serviços ou ainda de afiliados (terceiros).

Existe várias possibilidades de ganhar dinheiro trabalhando na internet.

Continuar focando na Produção de Conteúdos relevantes

Continuar a produzir conteúdos relevantes é o segredo para sempre ter um blog de sucesso.

Você irá conquistar uma audiência e fãs apaixonados não apenas pelos seus produtos ou através do design do seu site, mas sim pela publicação de conteúdos gratuitos de qualidade.

É o que irá manter seu público engajado.

E se você deseja um futuro brilhante, faça a revolução você também!